: : Falso patriotismo : :

2010/06/06

Ser brasileiro é colocar bandeirinha do Brasil de quatro em quatro anos. Será?

       

         A cada quatro anos é a mesma coisa: multiplicam-se bandeirinhas do Brasil, muros e ruas pintadas de verde e amarelo. O país inteiro decorado com as cores da nossa bandeira. Mas será que só descobrimos que somos brasileiros em ano de Copa do Mundo ?  Parece que sim.

       Milhões de brasileiros se inundam de um falso patriotismo a cada Copa. Um comportamento ridículo que é passado de pai pra filho. Com brasileiros assim tão engajados com o país, não é a toa que somos conhecidos como o país do futuro, um futuro que jamais chegará.


: : AH! OS BONS TEMPOS DO mIRC : :

2010/05/22

     

Que MSN que nada. Se você quer conhecer novas pessoas, o mIRC foi e sempre será o melhor.

         A mudança para um bairro de uma classe social mais elevada, me proporcionou conhecer novas coisas. E foi assim que no ínicio de 1997 conheci a internet e o mIRC. Um simples instrumento virtual que me proporcionou maravilhosas aventuras.

        Meu vizinho possuía internet nessa época. E foi na casa dele que conheci o mIRC, um programa de bate-papo virtual rudimentar. Ele se dividia em “canais”, onde as pessoas entravam com seus apelidos preferidos. Tudo era muito livre, você poderia entrar em qualquer canal que quisesse e poderia falar com quem bem entendesse, se a outra pessoa iria te responder, ai já era outra história.

       Alguns meses depois, passei a ter internet na minha casa e o mIRC era o meu passatempo preferido. Rapidamente aprendi a nova linguagem a ser utilizada. Frases como: “oi quer tc ? ; de onde vc tc? ; td bem ; bjo”, eram exaustivamente repetidas. Algumas foram cunhadas por mim e se tornaram marcas registradas, como: opsss, xero no cangote e saudações pessoenses.   

       Nessa época a conexão pela internet era discada pelo telefone, além de ser lenta era cara. Portanto, a TELEMAR instituiu horários de pulso único onde se podia navegar horas pagando apenas um pulso. Eram estes: dias de semana das 24h às 6:00 e das 14h do sábado até 24h do domingo. O horário de pico era a madrugada de sexta e a do sábado.

       Como pessoense, o canal que mais entrava era o #jampa. E como era bom esse canal, nos horários de pico era visitado por mais de mil pessoas. Foi aí que conheci muitas pessoas, umas ruins, mas (pra minha sorte) a maioria boa. O mIRC era acima de tudo um lugar para conhecer pessoas, para fazer amizades, para conhecer pretendentes ou simplesmente para se divertir. E foi muita diversão e aventura que eu tive de 1997 a 2004, período em que usei regularmente o mIRC.

       No fim da década de 90, aqui em João Pessoa, ter internet em casa era algo raro e restrito a poucos privilegiados. Tanto era assim que a agência do BB teen(banco do Brasil para adolescentes) no Manaíra Shopping era sempre lotada por jovens que disputavam os três computadores com acesso a internet, disponibilizados para os clientes do banco. Nesse mesmo shopping, existia um local que era tradicional para os encontros do mIRC ou IRContros como falávamos na época, ficava na praça de alimentação em frente ao pão de queijo. Mesmo com o acesso restrito, tive muitos encontros nessa época. Eu e uns amigos marcávamos com um grupo de meninas no shopping. Como quase ninguém tinha foto, visto que scanner era artigo de alto luxo, o jeito se descrever fisicamente e dizer o local que estaria e a cor da roupa que usaria.  Confesso que nisso não éramos muito honestos, mentíamos a cor da roupa, para que pudéssemos olhar para as meninas com calma, de longe. Se elas fossem interessantes, nos aproximaríamos. Se fossem feias, iríamos embora sem elas perceberem quem nós éramos.

       A maioria desses encontros não dava certo, ou a menina era feia ou não ia. Num desses que não deu certo, me passei por uma mulher, conversei com uma lésbica e marquei um encontro com ela aqui em João Pessoa. Tudo caminhava bem, o problema foi quando sugeri levar o meu irmão, ela disse: “ah sai fora, tu é homem”. Lá se foi meu encontro. Claro que houve encontros que deram certo, até namorada arrumei pelo mIRC. Brevemente farei um post só desses encontros.

       Acho que deu pra perceber o quão divertido era navegar pelo mIRC, um mundo novo, onde o objetivo era conhecer novas pessoas. E é justamente pelo fato de ser uma ferramenta livre para conhecer estranhos, sem precisar de nada além de um clique no nome da pessoa, que o mIRC é muito melhor do que MSN ou coisas do gênero. No MSN só se fala com quem já conhece. No mIRC, se fala com já conhece e com quem não se conhece. VOLTA MIRC!


: : QUARTA DO FUTEBOL : :

2010/04/29

Não manche mais sua imagem, se aposente logo.

CHAMPIONS LEAGUE: No jogo desta terça- feira, O Bayern de Munique venceu o Lyon de forma categórica (3×0) na França. Destaque para o croata Olic, autor de três gols. Ele é baixinho, não tem grande técnica, mas é um lutador, para ele não tem bola perdida. Lembra Tevez, né ? Lembra mesmo. Nesta quarta, o Barcelona venceu a Inter de Milão por 1×0, mas foi eliminado. Foi um jogo de defesa contra ataque, parecia até um treino onde um time só podia defender (Inter) e outro só podia atacar (Barça). O Barcelona jogou com um homem a mais praticamente metade do jogo e não foi capaz de obter o resultado que precisava. Quanto a Messi, não jogou nada… Se continuar assim na Copa, o Brasil agradece.

LIBERTADORES: O Corinthians perdeu um jogo fácil nesta quarta-feira, contra o Flamengo. Aos 36 minutos do primeiro tempo, um jogador do Flamengo foi expulso. O Corinthians não soube aproveitar a vantagem numérica, pior do que isso, conseguiu perder o jogo. Destaque negativo para atuação de Ronaldinho, o gordo. Parecia um lutador de sumô jogando. Perdeu todas as jogadas que disputou. Além de não acrescentar nada ao time, ele atrapalha e muito. É triste ver um jogador de seu calibre passar por esse papelão. Se for pra fazer o que ele está fazendo, pode me colocar em campo. Garanto que perderei todos os lances, que ficarei caminhando em campo, e que ficarei sempre em impedimento, só que tem um bônus, me pagando 50 mil por mês ta de bom tamanho.

COPA DO BRASIL: O Santos perdeu de 3×2 do Atlético-MG, o que no fim das contas não é um mal resultado, já que uma vitória de 1×0 ou 2×1, garante o peixe na próxima fase. O problema é que sem Neymar o time perde boa parte do seu poder ofensivo. Robinho não tem condições de ser titular do Santos, pois não joga nada faz tempo. Alias, agora todo o Brasil sabe que o fato dele ser reserva no Real Madrid e no Manchester City, era algo absolutamente normal e condizente com seu futebol.


: : SANTOS PASSO A PASSO : :

2010/04/20

O fã superou o ídolo. Neymar é melhor que Robinho, hoje.

Dá gosto ver o time do Santos jogar. São mais de três gols por partida de média, e não é só isso, são passes rápidos, dribles, tabelas, lances de efeito e um arsenal de jogadas maravilhosas que só os grandes da história conseguiram fazer.

Acompanho o futebol há 18 anos e não me lembro de um time mais ofensivo do que o Santos 2010. O Palmeiras 96 chega perto, mas era menos ofensivo, jogava com dois volantes. O Santos joga com um volante, dois meias e três atacantes.

O esquema não é simples. O Santos não é um time estático, onde todos possuem posição definida. Pra mim, muitas vezes o time se assemelha com a “laranja mecânica de 1974”, tamanha é a movimentação dos jogadores. Porém, o 4-3-3 prevalece, sendo dois zagueiros, dois laterais ofensivos, apenas um volante de contenção, dois meias, dois atacantes abertos pelas pontas que trocam de posição, e um centroavante que também se movimenta. Vejamos o papel de cada jogador.

Goleiro: Felipe: Ainda é muito jovem, mas tem segurado a onda debaixo da trave. Precisa melhorar nas bolas rasteiras, mas parece ser um goleiro confiável para o Santos. Tem potencial e ainda vai evoluir.

Zagueiro: Durval: É um jogador lento, mas é voluntarioso e bom no desarme. Volta e meia faz seus golzinhos de cabeça.

Zagueiro: Edu Dracena: Possui mais técnica que seu companheiro de zaga, mas também é lento. Em contra-ataques é facilmente batido.

Lateral direito: Ueslei: É atacante de origem, foi recuando, recuando até chegar a lateral. Tem muita velocidade, é bom no drible (às vezes abusa) e chuta bem de fora da área. É uma das válvulas de escape ofensiva do time, mas não defende com a mesma qualidade.

Lateral esquerdo: Léo: Como vinho, fica melhor a cada ano. Ainda é muito veloz e importante nas jogadas ofensivas, mas hoje, sabe o momento certo de atacar, “só vai na boa”. Possui uma boa consistência defensiva, o que o torno um lateral completo, além de ser um dos líderes do time.

Volante: Arouca:  No Fluminense era segundo volante ou meia, aqui joga na contenção, e tem feito bem esse papel. Só que não faz só isso, arma o time desde lá de trás e às vezes chega na área para concluir. Sem dúvida, está em grande fase.

Meia: Marquinhos: Joga meio de volante, meio de meia. Ajuda na marcação, mais sua principal função é na distribuição das jogadas pelo meio, algo que tem feito com maestria. Costuma cair pelo lado direito e fazer tabelas com Ueslei. Tem jogado muito.

Meia: Ganso: Na Argentina seria chamado de engache, o homem que faz a ligação do meio com o ataque. E ele tem feito isso brilhantemente. Cai pelos dois lados do campo e pelo meio, sempre com muita classe, dribles desconcertantes e passes açucarados. Além disso, tem feito muitos gols. Ganso lembra muito Riquelme nos bons tempos, mas aparenta que poderá ser maior que o argentino. Não vejo outro melhor do que ele para ser o reserva de Kaká na Copa. Se liga Dunga!

Atacante: Robinho: Quando estava na reserva do Manchester City, eu dizia: “se voltar pro Santos, vai arrebentar.” Não foi assim, Robinho não tem arrebentado, não é mesmo jogador bicampeão brasileiro pelo peixe. Ele não tem a mesma velocidade, não dribla do mesmo jeito, não pedala mais, mas não é um fracasso total. Robinho parece consciente que não está bem fisicamente (parece gordo, sem mobilidade), e por isso mudou o estilo de jogar, saíram os dribles e a velocidade e entraram os passes precisos e de primeira, e a consciência tática. Robinho tem jogado pro time, tem sido o arco e não mais a flecha. Se ele tivesse 33 anos e estivesse em fim de carreira seria compreensível, mas ele só tem 26 anos… Dunga abre o olho, Robinho não está em forma.

Atacante: Neymar: Sempre foi tido como o novo Robinho, e está correspondendo. Faz tudo que Robinho fazia, dribles desconcertantes, pedaladas, jogadas de efeito, velocidade e gols, muitos gols. Neymar joga pelos dois lados do campo, e também aparece como centro-avante para concluir as jogadas. Além disso, é um mestre na arte da “paradona” nos pênaltis. É o melhor jogador do Brasil, hoje. Em certo momento do jogo de ontem contra o São Paulo, Robinho fez uma linda jogada driblando 5 jogadores, com direito a elástico, que quase resultou num golaço. Ai eu falei: Robinho fez uma jogada de Neymar. Pois é, quem diria, Robinho é coadjuvante de Neymar.

Centro-avante: André: Confesso que não esperava muito dele, mas queimei minha língua. Trata-se de um belíssimo centro-avante, tem velocidade, é oportunista, chuta bem com as duas pernas e tem boa técnica. É preciso que ganhe mais corpo para agüentar o tranco dos zagueiros, mas parece ter um belo futuro pela frente


: : CONHECENDO POLYANA : :

2010/04/16

Está surgindo um grande nome para a política da Paraíba.

Estive hoje em Pombal, no alto sertão paraibano, para resolver assuntos profissionais. Por acaso, tive oportunidade de conhecer o gabinete da prefeita Polyana e conseqüentemente, ela. No pouco tempo que estive lá, ela foi simpática e educada. Pareceu ser uma pessoa simples e bem intencionada. Pelo que vi ainda não foi picada pela mosca arrogante do poder, como aconteceu com um famoso político de João Pessoa. Está desempenhando um ótimo papel na prefeitura e se continuar assim, poderá alçar vôos maiores na política estadual.

Ainda é começo de governo, mas achei incrível o quanto ela é querida na cidade. Algumas casas mantêm a foto da prefeita na fachada, outras fizeram charges dela. E  em lojas  da cidade, um dos artigos mais vendidos são os porta retratos com a foto de Polyana, que os pombalenses guardam com orgulho.

Da nova geração, Polyana se destaca como um dos mais qualificados nomes da política paraibana. Só espero que ela continue assim, educada, humilde e trabalhadora. Uma última coisa, ela ainda é mais bonita pessoalmente do que pela TV.


: : A CICLOVIA “INTELIGENTE” : :

2010/03/27

Para se construir uma cilclovia não é preciso destruir uma avenida, aprende Mago.

                         A prefeitura de João Pessoa começa a implantar um projeto para ampliação de ciclovias das cidades. Além disso, no projeto está incluso o uso de bicicletas de aluguel que estarão em terminais em alguns pontos da cidade. Até ai tudo bem, o problema é que o prefeito ao melhorar uma coisa, piora outra. Vejamos por que.

                       A ciclovia recém-inaugurada na orla do Cabo Branco não foi construída, foi arrumada. A prefeitura na sua nobre “inteligência jumentícia” surrupiou o estacionamento da avenida litorânea do Cabo Branco para instalar ali a ciclovia. Com isso o estacionamento foi transferido para uma das faixas da avenida, além de ter sido diminuído por mais da metade. Ou seja, a “inteligência jumentícia” da prefeitura conseguiu, ao construir uma simples ciclovia, diminuir o estacionamento da orla em 60% e assim diminuir em números parecidos o faturamento de bares da praia, e ainda congestionar o trânsito na Avenida Cabo Branco que contava com apenas duas faixas de rolamento e agora, após a intervenção da prefeitura, conta apenas com uma.

                    Diante de tanta “inteligência jumentícia”, faço algumas indagações: não é possível construir uma ciclovia em outro local? Não é possível construir uma ciclovia sem surrupiar uma faixa de rolamento de uma importante avenida de nossa cidade? Quantas pessoas serão beneficiadas por esta “maravilhosa” obra ? 20 ou 30 ciclistas endinheirados moradores do Cabo Branco, que só usam a bicicleta por hobby?

                    Atenção Paraíba, o autor de idéias tão brilhantes como essa ciclovia está querendo governar o Estado. É bom ter cuidado, porque a próxima obra pode ser aterrar a Lagoa para construir um hipermercado. Diante disso, é bom que ele fique bem longe do Palácio da Redenção.


: : QUAL É O MELHOR LUGAR PARA FAZER AMIGOS? : :

2010/03/17

Vivemos em um mundo cheio de tecnologias como a internet, que aproxima pessoas das mais variadas partes do mundo. Porém, essas amizades via  internet, muitas vezes não passam de uma relação virtual. Para quem quer ter um amigo de verdade, que lhe ajude nos momentos difíceis e em quem se possa confiar, adianto-lhes que não é no MSN ou Orkut que irá encontrá-lo.

Na internet não é, então onde é o melhor lugar para fazer amigos? A resposta não é simples, nem é exata, até porque podemos encontrar boas pessoas em qualquer lugar. Mas partindo da minha experiência  e de pessoas próximas, descobri quais são esses lugares ou situações propicias a se encontrar um bom amigo, são eles: colégio, igreja, amigo de amigo, “situações difíceis”.

COLÉGIO. O colégio é o primeiro ambiente (fora da sua família) que você irá se relacionar com outras pessoas. Haverá muitas brigas, muitas desilusões, mas também muita alegria, muito companheirismo. Tudo é muito intenso. Aquela fila que seu colega lhe deu na prova de física, ou o fato do seu  colega ter lhe apresentado para a menina mais bonita do colégio, atingirão proporções estratosférica. Sem se dar conta, você vira super amigo de uma pessoa. E a proximidade da amizade é muito grande. A melhor fase do colégio para tudo, inclusive para fazer amizades é o ensino médio. Os amigos que fizer nessa fase ficarão pelo resto da sua vida. 80% dos meus amigos vinheram dessa fase.

IGREJA. Não tenho nenhum amigo advindo da Igreja, mas como não freqüento Igreja nenhuma, não poderia ter. Para quem freqüenta, trata-se de um ótimo lugar para fazer amigos. Religião é algo muito forte na vida de muitas pessoas. Por isso, para quem vive uma vida religiosa o fato de conhecer uma pessoa que tenha esse mesmo pensamento, cria um vínculo muito forte. Missa, encontro de jovens, crisma, são muitos eventos, muitas oportunidades de fazer amigos, e geralmente, uma amizade forte baseada também, e primeiramente, na concordância religiosa.

AMIGO DE AMIGO. Quando um amigo seu, lhe apresenta um amigo dele, as coisas ficam muito mais fáceis. Até porque um amigo do seu amigo, teoricamente tem coisas em comum com você. Essa aglutinação de amigos é algo muito saudável, pois em pouco tempo você terá uma turma de amigos que se dão bem. Confesso que no meu caso, nunca tive sorte com amigo de amigo.

“SITUAÇÕES DIFICEIS”. Não é novidade que a dificuldade une as pessoas. Portanto, se você conhece uma pessoa no momento em que ambos estão passando por um momento de dificuldade, existirá uma cumplicidade e a chance de uma amizade surgir, é grande. Situações como desastres, treinamento do exército, doenças, são exemplos disso.

Algumas pessoas sentirão falta da faculdade e do trabalho como bons locais para se fazer amizade. Não os citei, pois acho que são ambientes de muita competitividade, onde a ambição transforma a amizade numa coisa secundária.

É possível fazer amigos em qualquer local. Os que citei acima são apenas alguns mais indicados de acordo com a minha visão. Porém, mais importante do que achar o lugar certo, é achar o amigo certo.